Fortalecer nossa fé dia após dia e mês após mês

Fortalecer nossa fé dia após dia e mês após mês

“O senhor me visita sempre, apesar das dificuldades” (CEND, v. II, p. 163), escreve Daishonin. Aqui, ele elogia a fé inabalável de Tokimitsu, que continuou a buscar seus ensinamentos, independentemente das circunstâncias.

Toda sensei disse: “Não seja um jovem que se isola das pessoas. Nós falamos de ter fé como a água, mas essa água, dependendo das circunstâncias e da época, também pode ferver. Os jovens revolucionários param de crescer se tudo o que fazem é sonhar com uma vida tranquila e relaxante”.

A “fé como a água fervente” pode, de fato, ser a fé ideal — fé que arde com a paixão e, ao mesmo tempo, é tão constante como a água corrente.

Kosen-rufu é uma luta sem precedentes para transformar o destino da humanidade. Precisamos manter firmemente uma poderosa e eterna paixão para nos dedicar a cumprir o grande juramento pelo kosen-rufu. Caso contrário, nossa fé será corroída e destruída por funções malignas que buscam obstruir nosso progresso na prática budista.

Os “três obstáculos e quatro maldades” e os “três poderosos inimigos” certamente atacam os praticantes do Sutra do Lótus. Daishonin enfatiza repetidamente que não devemos ficar intimidados e retroceder por causa de obstáculos e dificuldades.

Em Abertura dos Olhos, ele escreve: “Os tolos tendem a esquecer o que prometeram quando chega o momento crucial” (CEND, v. I, p 296).

Em outros escritos, ele também nos lembra: “Fortaleçam sua fé dia após dia e mês após mês. Se enfraquecerem em sua determinação, por pouco que seja, os demônios se aproveitarão” (CEND, v. II, p. 263 — As Perseguições ao Venerável); e “Muitos ouvem sobre esse sutra [o Sutra do Lótus] e o aceitam, mas quando grandes obstáculos surgem, exatamente como lhes foi dito que ocorreria, são raras as pessoas que mantêm firme esse pensamento sem esquecê-lo. Aceitar é fácil; manter é difícil. Porém, para se atingir o estado de buda é necessário manter a fé” (CEND, v. I, p. 492 — A Dificuldade de Manter a Fé).

A fé é uma luta constante, momento a momento, contra as funções malignas. Espero que cada um de vocês triunfe diante de todos esses obstáculos e, com inesgotável espírito de procura, decidam crescer e melhorar um pouco mais a cada dia.

Envie seu comentário